‘O Pequeno Príncipe Preto’: ex-BBB19 Rodrigo França prestigia peça teatral de sua autoria no RJ

Publicado por:

Categorias

Compartilhar

Fim de semana agitado para ex BBB Rodrigo França, além do encerramento do reality show Big Brother Brasil 2019 da TV Globo, e das festas de comemoração do programa que teve que comparecer, Rodrigo França bateu ponto no sabado e domingo no bairro do Meier, mais precisamente no Centro Cultural João Nogueiro, mais conhecido como IMPERATOR.

Rodrigo foi prestigiar a peça teatral infantil “O Pequeno Príncipe Preto” , que esta em cartaz no teatro Imperator e é de sua autoria e direção.

“O Pequeno Príncipe Preto” conta a história de um Príncipe que percorre vários planetas com a missão de plantar as sementes da empatia, amor, respeito, coletividade, generosidade e aprendizado familiar. Com diferentes linguagens, infanto-juvenil exalta a valorização da cultura negra e retrata o quanto é bonita a diversidade de cada povo.

O projeto surge de perguntas que ainda ecoam: Por que a maioria dos livros infantis só tem heróis e príncipes brancos e de olhos claros? Por que as bonecas e bonecos têm características físicas que não se assemelham com a maioria da população brasileira? Por que nas canções e contos infantis o branco é belo e puro e o preto não? As respostas para essas perguntas visam contribuir com o empoderamento, com a autoestima e com o imaginário formativo de crianças e adolescentes negros apresentando personagens de destaque que se assemelhem a eles e façam com que se sintam representados nas histórias que tem acesso.

Com texto e direção do diretor, ator e agora ex BBB Rodrigo França, que é especialista em filosofia para crianças e pesquisas relacionadas à cultura negra, o solo tem performance de Junior Dantas, que integra há 9 anos a Cia. OmondÉ, iluminação de Ana Luzia Mollinari de Simoni e João Gioia, cenário de Mina Quental.

As músicas originais foram compostas pelo musicista João Vinícius Barbosa, que também assina a direção musical e arranjos. A Direção de Produção é de Douglas Resende, diretor da Pé de Vento Produções.

A cultura afro-brasileira e africana sempre foi lembrada, exclusivamente, com a temática escravidão no Brasil, a encenação tem uma narrativa que significa muitos fatos históricos. O espetáculo é quase todo embalado por percussão de tambores, somado com lundu (ritmos brasileiros), Kuduro (ritmo angolano) e jazz e soul (ritmos afro- americanos), com uma trilha musical feita especialmente para o espetáculo. A nossa brasilidade múltipla está em cena, através do respeito à diversidade de cores, características, sabores, texturas, sonoridades e sotaques.

Ao fim da peça, Rodrigo França foi citado e homenageado pelo ator da peça Junior Dantas, e foi calorosamente aplaudido pelo publico, e ao sair da sala de teatro foi reconhecido e cumprimentado pelo publico presente, aonde pacientemente tirou fotos seus familiares que também compareceram e conversou com seus novos fãs que o aguardavam.

Fotos: Julio Ricardo

 

Local: Teatro Imperator
Classificação Etária: Livre

Duração do espetáculo: 50 minutos

Plateia inferior e balcão: R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia)

 

Compartilhar

Premium WordPress Themes Download
Download Premium WordPress Themes Free
Download Premium WordPress Themes Free
Download WordPress Themes Free
free download udemy course
download samsung firmware
Download WordPress Themes Free
free download udemy course