Tutuca Viana se apresenta no Rio de Janeiro

Publicado por:

Categorias

Compartilhar

O cantor e compositor maranhense Tutuca Viana se apresenta no Rio de Janeiro, no próximo dia 10 de março. O show de Tutuca comemora os 30 anos de seu álbum de estreia, “Beijos de Luz”. O ingresso para a apresentação é 1kg de alimento não perecível, cujo montante será destinado ao Retiro dos Artistas.

Em vez de uma retrospectiva da própria carreira, ele preferiu tirar do baú uma safra de canções inéditas. Elas são as nove faixas de “Avessa manhã” (2017). O novo álbum quebrou um hiato de 10 anos desde o lançamento do DVD “Melodias”, até então seu trabalho mais recente.

O silêncio rompido e as três décadas de carreira fonográfica pedem uma celebração. Pensando nisso, o artista iniciou, no último dia 29, por Fortaleza (CE), a turnê de “Avessa manhã”.  No Rio, o show contará com as participações do cantor e compositor Zé Renato, do gaitista Gabriel Grossi, do pianista e produtor musical Zé Américo Bastos e do cantor e compositor César Nascimento. A turnê tem patrocínio do Governo do Estado do Maranhão e Cantinho Doce, através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura.

O cantor pode ter se recolhido nos últimos dez anos, mas o compositor não. Muito menos o realizador musical. E aqui vale abrir os parêntesis: Tutuca Viana é um dos criadores e um dos coordenadores daquele que figura entre os mais importantes festivais de jazz realizados no país. Sim, estamos falando do Lençóis Jazz & Blues Festival, cuja trajetória iniciou-se em Barreirinhas e chegou à capital maranhense, São Luís. O festival chega este ano à sua décima segunda edição. Ele também é o responsável pelo São José de Ribamar Jazz & Blues, na sua 4ª edição.

A produtora Renata Rodrigues, com quem Tutuca é casado, estava às voltas com arrumações rotineiras, quando uma antiga fita K7 chamou sua atenção.  O casal pôs-se a ouvi-la e, como naquele clássico bossanovista, o inesperado fez uma surpresa. A fitinha trazia canções há muito esquecidas e que nada tinham de obsoletas, pelo contrário. O músico sentiu a necessidade de trazer à luz aquele material. E “Avessa manhã” começou a ganhar cara e forma. O álbum é composto por nove faixas e, desde 2017, está disponível em plataformas digitais como Spotify, Deezer e GooglePlay, entre outras.

Sobre Tutuca Viana

A ligação do artista com a música vem da infância. E tem no rádio, a exemplo de outros artistas da sua geração, seu principal estopim. Raimundo Viana Neto, nome de batismo do artista, tinha apenas 4 anos quando sua voz começou a ser ouvida em São Luís. É nessa idade que ele começa a participar de programas infantis promovidos por emissoras de rádio como a Gurupi, Timbira e Difusora. Nesta última, Tutuca participou de “O domingo é nosso”, programa apresentado por Lima Jr.

O compositor vai se revelando aos poucos. Aos olhos do público, mais exatamente na primeira metade dos anos 1980, em shows coletivos como o realizado, em 1985, com o também cantor e compositor João Gerude. O primeiro show solo se daria dois anos depois e lhe renderia convites de responsa, como o de abrir, em 1987, o show “As teclas das Gerais”, do pianista e arranjador Wagner Tiso, no Espaço Cultural RFFSA.

A música era já um caminho sem volta. Não tardaria para lançar seu primeiro LP. Gravado em 1989, “Beijo de luz” foi lançado no ano seguinte. A partir da nova década, constrói uma carreira fonográfica consolidada por sete lançamentos que abarcam seis discos (um deles o DVD “Melodias”, de 2008), sendo “Avessa manhã” o mais recente deles.

E a qualidade do seu cancioneiro fez com que grandes nomes da música participassem de alguns desses trabalhos. É o caso da cantora Joyce Moreno, que participa de “Quintal Brasil” (1992), segundo álbum do artista, e de Alcione, uma das presenças no DVD “Melodias”.

Tutuca já passou por diversos festivais como Canta Nordeste e Festival de Música Latina

Ele ainda participou de todas as edições do festival Canta Nordeste, promovido pela TV Globo juntamente com a TV Mirante, sua afiliada no Maranhão. E classificou-se em todas (sim, todas) as eliminatórias. Sua canção “Morro do Borel” ficou, no ano 2000, entre as 30 finalistas em concurso do Itaú Cultural, com mais de 1.700 inscrições em todo o país.

Engana-se quem pensa, portanto, que sua música está segregada a uma região do país. O CD  “Pedras no asfalto”, gravado com Djalma Chaves, levou-os, por exemplo, a participar, em Genebra, do programa “FM NumberOne”. Ao lado do mesmo Chaves e de Augusto Bastos, participou, em 1999, do Festival de Música Latina, em Roma.

Show de lançamento do CD “Avessa manhã”, de Tutuca Viana

Teatro Solar de Botafogo – Rua General Polidoro, 180, Botafogo, Rio de Janeiro/RJ. Tel: (21) 2543-5411.

10 de março, às 21h.

Ingresso: 1kg de alimento não perecível (a bilheteria abre 1h antes do início do show).

Capacidade: 180 lugares.

Compartilhar

Free Download WordPress Themes
Premium WordPress Themes Download
Free Download WordPress Themes
Download Nulled WordPress Themes
online free course
download xiomi firmware
Download Best WordPress Themes Free Download
lynda course free download